sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Como queres o teu Natal...


Não sei, meu amor, do bem que te diga
Agora a noite é quente e bela
Tens do teu fruto feito a estrela
Antiga, radiosa, amiga, brilhante,
Lembrada, para sempre… em cada instante…

Nesta noite fria e branca
O calor que nos conforta
É a amizade que temos
Logo ao sair da porta.

Como queres o teu natal?
Hoje é o teu dia
Resiste à passividade
Investe em ti e imbrica-te
Sacode o mal que em ti pousou
Tira as teias, trata o ego
Mexe-te, morde o tutano do dia
Ama, abraça, anseia
Sorri e sorve a vida

(PCM)


Aqui ficam os nossos votos de um Natal luminoso para tod@s.

BOAS FESTAS

Sem comentários:

Enviar um comentário